good-review
Veja o que
temos a oferecer
Conhecer mais
destination
Vivencie a nossa
qualidade de vida
Conhecer mais
Serviços
map4
Visite o nosso
património classificado
Conhecer mais
bench
Aventure-se nos
percursos pedestres
Conhecer mais
compass
Explore a nossa
diversidade cultural
Conhecer mais
museum
Participe dos
nossos eventos
Ver Agenda
Bem-vindo
a Oliveira do Hospital
Conheça o município
Bem-vindo a
Oliveira do Hospital

Oliveira do Hospital é um dos mais belos concelhos do distrito de Coimbra e da Serra da Estrela.

Município de Oliveira do Hospital exige período de quarentena a cidadãos oriundos de zonas de contágio comunitário e do estrangeiro

O Presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital, José Carlos Alexandrino, acaba de anunciar que o Município de Oliveira do Hospital, em articulação com a autoridade municipal de saúde pública, vai exigir que todos os cidadãos que não residem habitualmente no concelho, e que regressaram ou regressarão com proveniência do estrangeiro ou de zonas de contágio comunitário do país, permaneçam em isolamento profilático durante 14 dias a contar da sua chegada.

Esta decisão, surge em consequência de uma determinação tomada hoje nesse sentido pela Delegada de Saúde de Oliveira do Hospital, Guiomar Sarmento, que num comunicado, enviado esta manhã, considera que perante a atual situação epidemiológica da infeção da COVID-19, e face ao risco iminente no Município de Oliveira do Hospital, “urge que sejam tomadas medidas de contenção máxima de possível risco de contágio, implementando mecanismo de resposta rápida”.

O Presidente da Câmara Municipal, diz ter consciência da complexidade desta difícil medida, tomada precisamente numa altura em que, por ocasião da Páscoa, se aproxima a vinda de milhares de pessoas de todo o país e do estrangeiro até ao Município de Oliveira do Hospital, mas observa que está em causa a salvaguarda da saúde pública e a prevenção da propagação da COVID 19.

José Carlos Alexandrino, que já deu conhecimento formal desta determinação à GNR e a todas as Juntas de Freguesia, frisa também que com esta medida estamos a proteger as pessoas de quem mais gostamos, os nossos familiares, adiantando que nada se poderá sobrepor à necessidade de proteger a população de um vírus, cuja propagação permanece incontrolável.

O autarca apela, por fim, à compreensão de todos, reiterando que esta decisão apenas tem como objetivo a preservação do bem comum.

CONSULTE AQUI O COMUNICADO DA AUTORIDADE DE SAÚDE DO ACES PIN – OLIVEIRA DO HOSPITAL »

Bem vindo