good-review
Veja o que
temos a oferecer
Conhecer mais
destination
Vivencie a nossa
qualidade de vida
Conhecer mais
Serviços
map4
Visite o nosso
património classificado
Conhecer mais
bench
Aventure-se nos
percursos pedestres
Conhecer mais
compass
Explore a nossa
diversidade cultural
Conhecer mais
museum
Participe dos
nossos eventos
Ver Agenda
Bem-vindo
a Oliveira do Hospital
Conheça o município
Bem-vindo a
Oliveira do Hospital

Oliveira do Hospital é um dos mais belos concelhos do distrito de Coimbra e da Serra da Estrela.

Lançamento do livro “A Nossa História, os pedreiros e o seu verbo de segredos”

Na próxima sexta-feira, 31 de outubro, será apresentado o livro “A Nossa História, os pedreiros e o seu verbo de segredos”, de Jorge Mendes. O lançamento da obra terá lugar na Biblioteca Municipal de Oliveira do Hospital, às 18H00.

O seu mais recente livro aborda a temática do “latim dos arguinas”, onde o autor faz um levantamento deste património imaterial centrado numa área territorial do país – do Mondego até ao extremo norte do país, fronteira com a Galiza.

O objetivo, explica o advogado Jorge Mendes, é ir ao “encontro de todas as gírias” existentes nesta dispersão territorial e “encontrar temas comuns” nas cerca de doze linguagens que o autor identifica e que estão na base do glossário que apresenta.

Neste seu trabalho de investigação e recolha, o autor dedica várias páginas a este glossário que organizou de forma diferente: parte da palavra portuguesa para lhe atribuir o termo arguina correspondente, o que certamente suscitará maior interesse para o leitor.

Este é um trabalho que aprofunda a temática e contribui para preservar a nossa história e património imaterial, à semelhança do que foi também executado pelo autor concelhio Francisco Correia das Neves, no livro “O Verbo dos Arguinas”, e que é até à data a única obra sobre o tema.

Nesta obra, o autor, natural do concelho de Oliveira do Hospital, não esqueceu o seu concelho natal e procedeu a uma recolha de termos locais e muito próprios, que possibilita “criar identidades nas freguesias que tiveram esta profissão” na sua base e que “era quase a única profissão” a que se dedicaram incontáveis gerações. São cinco, as identificadas pelo autor – Santa Ovaia, Nogueira do Cravo, Avô, Aldeia das Dez e Santo António do Alva.

No livro “A Nossa História, os pedreiros e o seu verbo de segredos”, o autor percorre a história desde o tempo dos romanos até ao presente para dar conta da importância que a profissão de pedreiro sempre assumiu e avança com uma tese para o surgimento deste “conjunto de palavras”, uma linguagem muito própria e que apenas eles dominavam.

Estaria, avança o investigador, relacionada com a necessidade de “proteger os segredos da profissão” e os ensinamentos que passavam de pais para filhos, fazendo dos pedreiros, pessoas com reconhecimento social. Um cenário que acabaria por mudar, com a criação do ensino desta arte nas escolas industriais, e portanto acessível a qualquer um, o que conduziu a que “os mestres pedreiros” perdessem este “capital de importância”. Não obstante, ainda há quem saiba falar este latim dos arguinas.

Após este primeiro lançamento do livro “A Nossa História, os pedreiros e o seu verbo de segredos”, a obra será também apresentada nas cinco localidades que desde os tempos imemoriais estão ligadas a esta arte/profissão.

Jorge Mendes tem as suas raízes no concelho de Oliveira do Hospital, nas freguesias de Santa Ovaia e Nogueira do Cravo, e ascendentes familiares que se dedicaram à profissão de pedreiro. É licenciado em Direito, pela Faculdade de Direito na Universidade de Lisboa, exerceu advocacia na capital e é consultor jurídico em vários serviços do Estado. É também autor da “Monografia Histórica de Santa Ovaia” que lançou no ano passado.

O livro “A Nossa História, os pedreiros e o seu verbo de segredos” é uma edição do Município de Oliveira do Hospital em colaboração com as Juntas da União de Freguesias de Santa Ovaia e Vila Pouca da Beira; Freguesia de Nogueira do Cravo; União de Freguesias de Penalva de Alva e S. Sebastião da Feira; Freguesia de Avô, e Freguesia de Aldeia das Dez,.

Próximas apresentações:

Santa Ovaia, Sociedade Recreativa, 1 de novembro, 18H00

Nogueira do Cravo, Casa do Povo, 2 de novembro, 17H00

Santo António do Alva, Sociedade Progressiva, 7 de novembro, 21H00

Avô, Salão Nobre da Junta de Freguesia, 8 de novembro, 16H00

Aldeia das Dez, Ass. Melhoramentos Aldeense, 8 novembro, 21H00

Bem vindo