sexta, 12 fevereiro 2021 17:23

Programação Cultural em Rede contempla candidaturas do Município de Oliveira do Hospital  

 

O Município de Oliveira do Hospital viu aprovada a candidatura “Tradição da Serra ao Mar”, pela Comissão Diretiva do Programa Operacional Regional do Centro, no âmbito da Programação Cultural em Rede.

Esta candidatura em que o Município de Oliveira do Hospital é líder, e tem como parceiros os municípios de Cantanhede e Mortágua, foi contemplada com um financiamento no valor total de 297 571.50 euros para as ações a desenvolver pelos três municípios.

Através deste projeto “Tradição da Serra ao Mar” os municípios envolvidos pretendem promover e divulgar as tradições ancestrais associadas à vida das suas populações, ligadas à serra e ao mar, contribuindo para a preservação e valorização do seu património material e imaterial.

Assim, pretende-se promover uma programação cultural dinâmica e inovadora, aliando a tradição e a modernidade, incentivando a cultura em rede e a participação dos agentes, grupos e associações locais, como nota a vereadora da Cultura da autarquia oliveirense, Graça Silva.

A programação do “Tradição da Serra ao Mar” visa projetar a imagem dos territórios dos três municípios envolvidos, através da realização de eventos associados ao património, à cultura e a bens culturais identitários.

Nesse sentido, ao longo de doze meses, estão previstas atividades focadas num conjunto diversificado de manifestações artísticas, tal como a Dança, a Música, o Teatro, a Literatura, a Gastronomia, a Etnografia e a Performance.

Foi igualmente aprovada a candidatura “Viver os Rios” onde o Município de Oliveira do Hospital participa enquanto parceiro, juntamente com o município de Penacova e com o município de Góis, sendo este último o líder da candidatura, no valor de 299 778,00€, para as ações a desenvolver pelos três municípios.

Este visa a promoção do território, a partir dos Rios Alva, Ceira e Mondego e do seu património, divulgando as praias fluviais, transmitindo boas práticas ambientais e o respeito pela sua preservação (fauna e flora), bem como, dinamizar iniciativas culturais que promovam, através da experimentação, os Rios e a sua identidade.

De referir que Oliveira do Hospital é ainda parceiro na candidatura “À Beira do Fado”, com os municípios de Pampilhosa da Serra e Arganil, sendo este líder, foi “admitida encontrando-se em fase de análise técnica, apuramento do mérito e proposta de decisão.”

O valor desta candidatura, a ser aprovada, será de 299 997,00€, para as ações a desenvolver pelos três municípios.

Para a vereadora Graça Silva, a concretização destas ações em rede irão contribuir para dar maior visibilidade ao território de Oliveira do Hospital e consequentemente da CIM Região de Coimbra, captando fluxos turísticos.

Contribuirá também para mitigar as dificuldades sentidas associadas à situação atual, como resultado da crise pandémica, e que tem tido fortes reflexos no setor cultural.

Acrescente-se que a CIM Região de Coimbra, também viu aprovada a sua candidatura “Coimbra Região de Cultura 2.0 Mulheres e Lugares”, com um investimento de 300 000€, cofinanciada no âmbito do Programa Operacional Regional Centro 2020, e cujas ações irão contemplar o município de Oliveira do Hospital, enquanto integrante desta CIM.  

        

ptnlenfres

CONTACTOS

 

Username *
Password *
Remember Me