Lourosa foi doada à Sé de Coimbra pela rainha D. Teresa, a 13 de Março de 1119. D. Afonso Henriques coutou-a, englobando a metade da Sé com a que pertencia a Pedro Usureis, a 2 de Novembro de 1132. Na carta demarcam-se-lhe os limites, encontrando-se nela referência à estrada da Beira (uiam antiquam), estrada de traçado talvez pré-histórico mas de que não têm aparecido marcos ou pavimentos romanos. Lourosa teve foral, dado em Coja, pelo bispo de Coimbra, a 6 de Fevereiro de 1347. D. Manuel I concedeu-lhe foral novo a 12 de Setembro de 1514. Foi comenda da Ordem de Cristo, tendo o concelho sido abolido em 6 de Novembro de 1836, integrando-se a sua própria freguesia no concelho de Avô até à extinção deste em 24 de Outubro de 1855.

População Residencial (Censos 2011): 555 hab.

 

Sede
Rua da Junta de Freguesia, nº 1
3400-409    Lourosa

Telefone: 238671685

E-mail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Horário de funcionamento: À 2ª feira das 18h00 às 20h00.

CONTACTOS

 

Username *
Password *
Remember Me